Sazonalidade: não diminua a ocupação do seu Hotel ou Motel

Manter o hotel ou motel em sua lotação máxima em todas as épocas do ano, driblando a sazonalidade, é um dos grandes objetivos dos empreendedores.

Existem algumas épocas de baixa temporada, com baixo volume de procura, resultado em lotação menor do que o desejado.

Quem está diariamente no segmento de hotelaria e motelaria conhece bem como manter a ocupação nestes períodos pode ser um desafio!

Quer continuar com os rendimentos mesmo em baixa temporada?

Descubra como manter o nível de ocupação mesmo em épocas ruins através de uma gestão de qualidade.

O que é a sazonalidade? Defina qual é a sua baixa temporada

A sazonalidade é um conceito que diz respeito ao volume de procura em certas temporadas do ano.

Existe a alta temporada, onde o número de reservas tende a ser mais elevado, e a baixa temporada, quando os resultados apresentam a maior queda.

É justamente para esses períodos de baixa temporada que você deve estar preparado.

De forma geral, a sazonalidade é ruim para os negócios, principalmente para quem depende do grande volume de hóspedes para conseguir bons resultados.

A instabilidade na procura exige do gestor a tomada de decisões ao longo do ano, com vistas a diminuir o impacto.

Por isso, para se programar, vale a pena estabelecer e conhecer qual é a baixa temporada para o seu negócio.

Dessa forma, você poderá se planejar para atrair clientes mesmo em épocas de baixa procura.

Faça uma análise para o seu hotel ou motel, sem tomar por base informações genéricas do mercado.

Como continuar com a retenção de público e ocupação dos quartos?

Existem várias maneiras de impedir a queda no número de reservas.

Medidas de gestão de médio, curto e longo prazo devem ser aplicadas, de forma a evitar a perda de clientes nos períodos de baixa temporada.

Uma delas é manter a qualidade no atendimento e na prestação de serviços.

Se o fluxo de visitantes no local é pequeno, nada melhor do que captar os clientes para o seu estabelecimento.

Faça também estratégias com promoções e vantagens para quem opta pela baixa temporada. Tem algum atrativo que pode ser usado mesmo em épocas de não muito movimento? Use ele para atrair pessoas.

Os consumidores também estão buscando por hotéis e motéis fora das épocas mais comuns, justamente pelo melhor valor e benefícios. É importante estar visível e preparado para recebê-los.

Para fazer isso, cuide de fomentar a participação dos hóspedes com comentários públicos em sites e redes sociais. Um feedback positivo de um cliente faz toda a diferença, elevando a visibilidade do hotel.

Use também as Agências Online de Turismo para mostrar seus atrativos mesmo em épocas de baixa temporada. É um momento importante para ter bons feedbacks de clientes por lá.

Outras ideias para você continuar com a ocupação dos quartos:

  • Ofereça descontos para grupos maiores de pessoas;
  • Monte combos com open bar, atividades para crianças ou serviços exclusivos;
  • Tenha em seu hotel ou motel atrativos para todas as estações do ano;
  • Piscina aquecida, sala para cinema, entre outros.

Invista em um espaço para eventos

Uma das formas de contornar o problema gerado pela sazonalidade é promovendo eventos internos.

Se o fluxo de pessoas é baixo em determinado período, pela falta de atrativos turísticos, por exemplo, agitar a cidade com um evento próprio ou ter parceiros que podem usar o seu espaço para algum evento fará toda a diferença.

Preço: aumentar ou não?

Quando se trata dos preços, a melhor dica é manter o equilíbrio.

Nos períodos de baixa temporada, o ideal é oferecer aos clientes pacotes mais atrativos, mesmo que isso implique em redução do lucro no período.

Na alta temporada, os valores podem ser elevados, mas sem exagero.

Para aproveitar ao máximo mesmo os períodos de baixa temporada, organização e programação são palavras-chave.

Tenha bem calculado o seu RevPAR para decisões mais assertivas

O RevPAR é, basicamente, a receita por UH disponível. Hoje, é a métrica mais importante da hotelaria.

Normalmente, calculamos a Ocupação Diária e Diária Média dos hotéis e motéis, tendo esses números como base para algumas decisões importantes.

Porém, quando falamos sobre competitividade e oportunidades de mercado, unir as duas métricas e ter o RevPAR é uma excelente alternativa para ter resultados mais certeiros.

Diferente da Diária Média, o RevPAR calcula a receita total de hospedagem dividida pelo número de unidades disponíveis em um determinado período. O resultado é a receita gerada por cada apartamento disponível.

É uma ótima métrica para a sazonalidade e desempenho do seu hotel ou motel. Afinal, com o RevPAR você terá dados concretos sobre a ocupação durante as diferentes épocas do ano.

Não adianta investir em métodos de última hora, sem que sejam tomadas medidas ao longo do ano para contornar a sazonalidade em hotéis e motéis.

Programe-se para não perder hóspedes e tenha sempre a ajuda de um software de gestão para controlar receitas, processos e melhorar suas estratégias.

Conte com a Bitz Softwares.

Conheça a Bitz

2018-06-29T14:32:27+00:00 Hotelaria, Motelaria|

Deixe um comentário

X

Falta pouco! Complete seu cadastro. A equipe Bitz logo entrará em contato!